terça-feira, 28 de julho de 2015

Paineira vermelha da India & Novo look


Photos by Nadja P.

Gente bonita,


PAINEIRA VERMELHA DA ÍNDIA

Foi com alegria que encontrei as 
Paineiras vermelhas da Índia totalmente floridas!
Com flores lindas, exóticas e de uma cor deslumbrante.













   Foi com alegria que mudei meu visual depois 
de muitos anos.
Desta vez, deixei o cabelo liso de lado pelo qual curti pra caramba e dei lugar ao cabelo cacheado, estilo que me deixou feliz e poderosa!
KKK 
O que mais ouço é:
O marido vai ficar com ciúmes, hein?
Enfim, bom saber que aos 52 anos, fiquei mais charmosa!
É o que dizem, e se dizem, acredito.

BEM VINDA NEGRITUDE!

Ano que vem, com certeza, participarei da segunda MARCHA DO ORGULHO CRESPO, 
na Avenida Paulista, em São Paulo.
Neste ano, infelizmente, eu não pude ir.
O movimento visa resgatar e valorizar as raízes 
do povo negro sem propriamente estabelecer regras.
Mas, sim, quebrá-las em nome da liberdade.
  Lembrando que nunca vivi em 
"guetos mentais", ao contrário, sempre tive orgulho de ser negra com ou sem cabelos crespos.
Mas achei válida essa conscientização que visa aumentar a autoestima de um povo que ainda 
vive à margem da sociedade.


Imagens by Google

Vivemos de ciclos, e o meu ciclo, agora, 
é esse aqui:










Há um tempo

Há um tempo que é preciso abandonar as roupas
usadas...
Que já têm a forma do nosso corpo...
E esquecer os caminhos que nos levam sempre 
aos mesmos lugares...
É o tempo da travessia...
E se não ousarmos fazê-la...
Teremos ficado... para sempre...
À margem de nós mesmos mesmos...

Fernando Pessoa

domingo, 26 de julho de 2015

Inverno florido 2015

Photos by Nadja P.

Olá Gente bonita!


 Apesar de estarmos em pleno Inverno e algumas árvores aderirem ao clima frio...


É possível desfrutarmos  flores e cores 
de quem não está nem aí para o Inverno.
    Há espécies que continuam floridas...







Por isso, desejo que todos que tenham 
dias coloridos e alegres apesar da 
temperatura baixa. 
 Bora ser feliz!


CAPA DA SEMANA


     Pétalas das flores da espécie... 
Bauníhia ou Pata de vaca & Flores do Ipê amarelo.

                               Feliz semana!

   "Os muros de concreto que construiu para  assegurar seu progresso afastaram de si e dos  seus filhos todo contacto com a terra e tudo de  bom  que ela representa."

                    Carmem Grinheiro       
                       (Do lado do sol)

sábado, 25 de julho de 2015

Dia 26 de Julho - Dia da Vovó - Avó, um papel abençoado

Photos by Nadja P.

Domingo, dia 26 de Julho é Dia da Avó!
(até a pouco não sabia)


  É tudo a mesma coisa. 
Com rara exeção e algumas diferenças, pois
 as personalidades diferem uma das outras, 
o que é natural.
Porém, as conversas são as mesmas. 
      Geralmente giram a respeito dos anseios, 
das expectativas e do jeitinho próprio de cada 
bebê ou criança.
As avós modernas estão antenadas, mas ainda é preciso saber muito sobre...

COMO LIDAR COM OS NETOS NOS DIAS ATUAIS SEM CONFRONTAR  COM AS MÃES


 É preciso entender essas "crianças adiantadas"! -como diz meu velho pai
 Criaturas inteligentes, precoces, que já vem surgindo há algum tempo entre nós.




E é justamente por conta disso... 
Que as Avós precisam reciclar seus conceitos 
e suas opiniões.
Porque podemos aprender muito com as 
Mães modernas e ensiná-las também.
   É a primeira vez que comemoro o Dia da Avó. 
Confesso que estou muito feliz em ganhar um netinho, o Álvaro, vulgo "Coisalindadavó"!
Ele iluminou ainda mais a minha vida, trouxe muita alegria aos meus dias e grande sabedoria 
ao meu espírito. 
  Como um pequeno ser pode mexer tanto com uma pessoa e a sua família?
Coisas de Deus.


   À minha direita, a amiga Anne, avó de primeira viagem, 
assim como eu. 


 Desejo felicidades às Amigas blogueiras que são Avós!
  E quanto aquelas que ainda não são, desde já uma feliz espera, porque o netinho (a) virá, 
com certeza!
  E que Deus nos ilumine com sabedoria neste papel tão honrado e bonito.

Parabéns Vovós!  

Avó não é uma mãe açucarada. 
Avó é simplesmente avó. 

 Nadja

sexta-feira, 24 de julho de 2015

TER e SER

Photo by Nadja P.

Gente bonita,

Não sei  quem é autor (a).
O fato é que li, gostei e decidi trazer aqui.
       Sim, a Simplicidade é um modo de vida muito bom e gostoso!
     Por vezes, esquecemos de colocá-la em nossa vida por conta do avanço da tecnologia moderna 
 e das comodidades oferecidas pelo 
consumismo vigente.
Mas uma coisa é certa...
     Ter um conceito de pensamentos e ações simples, logo, resulta em uma vida onde a 
paz interior será muito grande.
Feliz finde a todos!

Ter ou Ser 

    Um pai, em uma situação muito confortável de vida, resolveu dar uma lição a seu filho, ensinando o que é ser pobre. 
    Ficaria hospedado por alguns dias na casa de uma família de camponeses. 
O menino passou três dias e três noites vivendo no campo. 

     No carro, voltando para a cidade, o pai lhe perguntou: 

     “Como foi sua experiência?” 

     “Boa.” respondeu o filho, com o olhar perdido à distância.

    “E o que você aprendeu?”, insistiu o pai.


  
     O filho respondeu:

    “Que nós temos um cachorro e eles têm quatro.
     Que nós temos uma piscina com água tratada, que chega até metade do nosso quintal. Eles têm um rio sem fim, de água cristalina, onde têm peixinhos e outras belezas. 
    Que importamos lustres do Oriente para iluminar nosso jardim, enquanto eles têm as estrelas e a lua para iluminá-los. 
    Nosso quintal chega até o muro.
    O deles chega até o horizonte. 
    Compramos nossa comida e esquentamos em microondas, eles cozinham em fogão à lenha. 
    Ouvimos CD's, Mp3, eles ouvem a sinfonia de pássaros, sapos, grilos, tudo isso às vezes acompanhado pelo sonoro canto de um vizinho trabalhando sua terra. 
    Para nos protegermos, vivemos rodeados por um muro, com alarmes... 
    Eles vivem com suas portas abertas, protegidos pela amizade de seus 
vizinhos.         
   Vivemos conectados ao celular, ao computador, sempre plugados neuroticamente atualizados. 
    Eles estão "conectados" à vida, ao céu, 
ao sol, à água, ao campo, aos animais, às suas sombras, à sua família.”
    O pai ficou impressionado com a profundidade de seu filho e então o filho terminou: “Obrigado, pai, por ter me ensinado o quanto somos pobres! “

    Esta é a diferença entre entre o ter e o ser.




                                    

quinta-feira, 23 de julho de 2015

Matando a saudade! - Parte 02/Final


Photos by Nadja P.

Gente bonita,

Continuando o passeio pelo... 
Parque Ecológico Monsenhor Salim - Campinas/SP.
"Matando a saudade do Maridão" em um dos lugares que mais gosto de visitar na minha cidade.
Vou contar um segredo: AMO visitar 
casarões de fazenda!
A arquitetura, por exemplo, é um detalhe que sempre chama a minha atenção nessas antigas residências coloniais.
Hoje resta apenas o silêncio regado com
 árvores centenárias e lindas flores.






PARQUE ECOLÓGICO 
MONSENHOR SALIM - CAMPINAS/SP



Agora, circulando ao lado do Bambuzal
aliás, como é bonito o danado! 
Pelo caminho encontramos lindas 
Palmeiras e Árvores!








Essa "árvore pelada", logo abaixo, decidiu que as nuvens fossem sua copa em vez das folhas verdes.


Maridão disse que a espécie com 
flores vermelhas chama-se Eritrina-Candelabro.
Porque eu mesma não guardo o nome de quase nenhuma espécie de árvore ou flor.
Linda também, não é?

ERITRINA-CANDELABRO











O companheiro de matrimônio e a natureza 
são algumas das maiores dádivas de Deus.

Nadja

terça-feira, 21 de julho de 2015

Matando a saudade! - Parte 01

Photos by Nadja P.

Gente bonita,

Maridão e eu sempre viajamos e passeamos juntos.
Desta última vez, ele não foi comigo.
Mas quando retornei,  juntos, fizemos uma das coisas que mais gostamos.
Fomos fotografar!



PARQUE ECOLÓGICO 
MONSENHOR SALIM - CAMPINAS/SP












Um dos lugares turísticos que mais gosto 
de visitar em nossa cidade.
Antiga fazenda, hoje, sedia um parque ecológico muito bonito. 
O casarão, acima, era a antiga sede da 
Fazenda Mato Dentro, propriedade da
Viscondessa de Campinas, Dona Maria Luíza de Sousa Aranha.
 Descansar sob a sombra dessa árvore centenária é como sentar ao lado de uma velha senhora, 
cheia de estórias para contar.
















Sempre que venho aqui, mentalmente, 
  faço orações aos escravos que viveram 
neste lugar.
Desejo que descansem em paz e recebam a luz 
de Deus.

TULHA







PÉ DE JACA

Entorno do velho e vasto casarão há um 
Pé de Jaca.
Confesso que não gosto de jaca, mas acho interessante os seus frutos.



TELHADOS ANTIGOS

Quanto mais antigo o telhado, mais cresce 
a minha admiração!





CAPELA

Antigamente todo casarão de fazenda tinha sua  Capela particular.
Anexa ao lado da casa sede ou no seu interior.
 De certo, essa não é a original, mas o sino, sim.



Por hoje é só.
No próximo post mostrarei mais um pouco de nosso passeio por esse parque bonito. 
Ele é muito grande, sabe?
Daqui a pouco voltarei!



É possível matar a saudade sem ter que ir presa (o). 


Nadja

"Abra teu coração ou eu arrombo a janela"

"Abra teu coração ou eu arrombo a janela"
Chico Buarque